quinta-feira, 28 de agosto de 2008

....... Poema LINDO " CAMÕES " !!!!!!!

.........Citar um dos belos Poemas!!!!!!




Apartados assim da ardente costa
As aventurosas naus, levando a proa
Para onde a Natureza tinha posta
A meta Austrina da Esperança Boa,
Levando alegres novas e resposta,
Da parte oriental para Lisboa,
Outra vez cometendo os duros medos
Do mar incerto, tímidos e ledos
O prazer de chegar à Pátria cara,
A seus penates caros e parentes ,
Para contar a peregrina e rara
Navegação, os vários céus e gentes;
Vi a lograr o prémio que ganhara,
Por tão longos trabalhos e acidentes;
Cada um tem por gosto tão perfeito,
Que o coração para ele é vaso estreito.

Luís Vaz de Camões
in " Os Lusíadas "








1 comentário:

osvaldo disse...

lobosolitario1original@hotmail.com Respira-me,
és o aroma que me perfuma o corpo...

Prova-me!
O paladar na minha língua é teu...
Sente a pele molhada ao luar,
os poros abrem-se em flor
para absorver o sabor salgado
do verbo amar.

Pegadas invisíveis na areia
agitam o silêncio da maresia,
inquietam os vultos nocturnos
que se aninham
de mãos dadas e pernas entrelaçadas.

Liberto um rasto de perfume
e acaricio-te na despedida...